O lado sombrio do quotidiano – A sombra individual

mask-turnaround-mred

Em 1886, mais de uma década antes de Freud sondar as profundezas da escuridão humana, Robert Louis Stevenson teve um sonho altamente revelador: um homem, perseguido por um crime, engolia um certo pó e passava por uma mudança drástica de caráter, tão drástica que se tornava irreconhecível. O amável e laborioso cientista Dr. Jekyll transformava-se no violento e implacável Mr. Hyde, cuja maldade ia assumindo proporções cada vez maiores à medida que o sonho se desenrolava. Continuar a ler

O menino que cortou o fio da chuva

menino-janela-2m

Era pálido e loiro, e chamava-se Leopoldo…

As pessoas que o viam ao pé da mãe, que tinha a pele branca, os cabelos claros e os olhos castanhos, diziam que se parecia com ela; os que o encontravam com o pai, que era moreno, com a barba e os cabelos pretos, mas de olhos azuis, diziam que era o retrato dele. O menino herdara a cor da pele e dos cabelos da mãe e os olhos azuis do pai… Mas que importa isso agora? O menino cresceu há muito tempo já, e não sabemos para onde foi. Continuar a ler